81
82 shares, 81 points

Talvez eu tivesse expectativas demais, ou talvez a maré de séries ruins esteja deixando meus critérios muito mais exigentes. Mas o fato é que eu terminei a season premiere de Suits com uma sensação estranha, percebendo a falta daquele algo a mais que faz dessa série o que ela é.

Não só a falta de algo, mas também percebi o excesso de outros algos. Coisas que sobraram em The Arrangement e que gastaram um tempo desnecessário do episódio, como a storyline de MikeRachel. Nada contra o casal, – na verdade não consigo me importar muito com o romance deles – mas foram muitas cenas avulsas entre eles, e coisas que ficaram meio que bipolares na trama, especialmente da parte de Rachel. Ela passou quase o episódio inteiro com raiva de Mike, mas seu perdão – junto com o sexo, que ficou tão incompreensível quanto o primeiro, lá na season 2 finale – veio numa velocidade contraditória a toda a fúria que ela demonstrou. Acho que agora não era a hora de um perdão tão rápido. Teria mais senso se ela demorasse tanto quanto Harvey.

Aliás,  arrisco-me em dizer que, em questão de storylines, a de Harvey foi a mais coerente do episódio – talvez a única. Seu embate com Jessica e a recusa em perdoar Mike foram completamente in character. Gostei de vê-lo fazer a maior ginástica para conseguir a quebra de sua cláusula de não-competição, para se livrar da fusão que não o agrada e do ambiente que não mais o satisfaz. E, por fim, o reencontro de sua identidade e a opção por enfrentar Jessica, fazendo uma aliança com Darby para isso.

Louis é sempre um deleite no episódio, mas uma vez mais vemos uma storyline recorrente: ele fazendo algo extremo e se dando muito mal. Não tenho muito uma noção da popularidade do personagem no fandom, mas creio que ele é querido. Realmente esperava que dessem um rumo um pouco diferenciado nessa nova temporada, mas vejo que a opção é repetir essa storyline, assim como o eterno conflito onde Mike duvida da capacidade de Harvey tem de protegê-lo. Sempre ressalto a capacidade da USA com seus personagens, mas nesses dois casos vejo desenvolvimentos estagnados, incomum para as séries da emissora.

Donna foi aquela que não sobrou, pelo contrário, mais cenas dela não fariam mal algum. Suas cenas cômicas sempre colocam sorriso no rosto de quem assiste, mas o desabafo com Mike foi o ponto alto do episódio. Ela disse o que muitos de nós queriam dizer.

Enfim, essas foram as impressões que tive da season premiere de Suits. Mesmo a minha impressão inicial não tão positiva não tira meu entusiasmo com a série, cujo potencial é conhecido. Que venham os próximos episódios.

 

 

Considerações finais:

  • Momento Donna diva 1: Perguntando para o Louis se ele estava contando algo do The Breakfest Club;
  • Momento Donna diva 2: Fazendo o Louis parecer o Hitler;
  • Momento Donna diva 3: Afastando a pequena chance do Harvey perdoar o Mike;
  • Trailer do próximo episódio:

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos!

81
82 shares, 81 points
Marcia Dantas

Novice

Escolha um estilo de post
Post padrão
Postagem padrão, com formatação de textos e imagens
Lista
Listas clássicas da internet
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Embeds do Vine
Imagem
Fotos e imagens
Gif
GIFS
Quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Lista aberta
Envie seus próprios ítens e vote nos melhores envios
Listas por ranking
Clique acima ou abaixo para votar nas melhores listas
Meme
Faça upload de seus imagens e crie memes próprios