114
171 shares, 114 points
A Menina Submersa foi a grande aposta editorial da Darkside Books em 2014. O livro em forma de diário que mergulha em uma mente esquizofrênica, foi lançado no Brasil de forma modesta, mas os leitores que tiveram oportunidade de lê-lo, sabiam que ali havia algo mais.
Em Maio/Junho, época do publicação dele por aqui, pouco se sabia da história e mal víamos ações sobre o mesmo nas redes sociais. No meu caso, a curiosidade pela leitura do livro foi imediata. Logo assim que saiu a release e ainda mais quando vi, que o ninguém menos que Neil Gaiman, falava e indicava o livro, naquelas chamadas de capa de livro. Era o que faltava para entrar no oceano em volta de Imp, Eva, Abalyn e seus lobos, fantasmas e sereiasA Menina Submersa Limited Edition (1)
A história que ainda tratava sobre lendas, artes, locais místicos e transsexualidade, reservava ao engajado leitor surpresas e uma feliz satisfação ao fim da leitura.
Os leitores apostaram no escuro junto com a editora e a “menina” cresceu. O movimento foi crescendo e eventos literários, que visavam apresentar a obra e suas curiosidades foram sendo realizados em algumas cidades pelo Brasil. Belo Horizonte, Blumenau, Fortaleza, São Paulo e Curitiba foram algumas das cidades a receber a “Menina”.
Era coisa de fã para fã, no caso, de leitor para leitor. A recepção foi bacana e a interação mais ainda. Quem lia e se envolvia com a história, repassava a indicação para outro – eu mesmo fiz quatro pessoas próximas terem contato com o livro – e assim, os leitores brasileiros fizeram de A Menina Submersa um sucesso ao seu momento.
Um livro diferente, que aliado a uma escrita original e um enredo nada convencional, fizeram dele fenômeno e uma prova que nem só trilogias, distopias e YA é lido no Brasil.
Aproveitando a reedição do título, dessa vez em capa dura e com ainda mais capricho e cuidado por parte da DarkSide Books, resolvi escrever e detalhar um pouco do que há por trás d’A Menina Submersa, seus detalhes, curiosidades e easter eggs.
Bom mergulho!

ESQUIZOFRENIA 

O cuidado que Caitlín teve para tratar sobre a esquizofrenia no romance é evidente. Ao dar vida, a mente de India Morgan Phelps (Imp), a autora construiu um quebra-cabeça, onde cada sentimento, pensamento e sensação descrito por Imp, são apenas alguns exemplos ínfimos do universo particular que deve ser, cada mente acometida por esse transtorno.

A Menina Submersa Limited Edition (5)

O tema já foi apresentado em outras mídias, por exemplo, no filme de sci-fi de 1998, Pi e no suspense de Scorsese, A Ilha do Medo e também nos livros/filmes: Uma Mente Brilhante, vencedor do Oscar de Melhor Filme, em Garota Interrompida de Susanna Kaysen e em Spider de Patrick McGrath. Red Silk, é um titulo de Caitlín ainda não publicado no Brasil que também trabalha o tema.

TRANSEXUALIDADE

Sem os estereótipos tão comuns expressados pelos xiitas da “família tradicional brasileira”, A Menina Submersa versa sobre a temática LGBT de forma natural. A autora, Caitlín Rebekah Kierman é transexual e lésbica e sob essa ótica, a mesma se apropriou livremente e com veracidade, inseriu essas características ao relacionamento da protagonista no livro.  Sem clichês, nem tabus.

A Menina Submersa Limited Edition (6)

Outro detalhe interessante do livro é que todos os personagens de destaque são mulheres. Os homens presentes do livro são quase sempre associados a acontecimentos ou atitudes nocivas e/ou negativas.

LUGARES

Caitlín arquiteta sua fantasia urbana em Providence, o maior município de Rhode Island, e também um dos cinco maiores condados dos EUA. A autora cita inúmeros locais da cidade, como a biblioteca John Hay Library, um dos locais onde Imp encontra a Inconnue de la Seine. O Hospital Butler, onde H.P. Lovecraft ficou internado e o Cemitério Swan Point, onde o mesmo está enterrado.

A Menina Submersa Limited Edition (3)

Outros locais que aparecem nas páginas é a Rodovia 122, estrada onde Imp encontrou Eva Canning, que perambulava nua durante uma forte chuva pela rodovia. Além disso, ainda conhecemos a verdade sobre Aokigahara, a floresta dos suicidas.
Mais detalhes sobre o Providence, você confere no Roteiros Literários.

MÚSICAS

No decorrer da leitura vão aparecendo menções a algumas músicas, dentre elas, a mais clara é “There There” faixa da banda britânica de rock Radiohead, na qual autora usa um trecho da letra na epigrafe do livro.

A Menina Submersa Limited Edition (4)

A Raquel, moça a frente do simpático blog Pipoca Musical, reuniu todas as faixas em uma playlist no Spotify, que ainda conta com grandes nomes da música internacional. Só para citar, tem Elton John, Jethro Tull, Franz Ferdinand, Robert Plant, ex-vocal do Led Zeppelin, Florence and The Machine e Fleetwood Mac, que American Horror Story: Coven, fez praticamente “a” trilha da temporada.
Dá para ouvir as faixas na lista abaixo:

LENDAS, MITOS e CRIATURAS

O livro praticamente tem uma mitologia própria. A autora misturou lendas de várias culturas, criou um verdadeiro e crível mito sobre o quadro A Menina Submersa e apresentou criaturas, que particularmente nunca tinha ouvido falar. Vá por mim, esse negócio de “uma história de fantasmas com uma sereia e um lobo” é só começo.
Dica: durante a leitura, vá além e pesquise sobre as notas de rodapé. Você terá uma outra compreensão sobre as lendas e criaturas citadas.

A Menina Submersa Limited Edition (8)

 

CURIOSIDADES AO REDOR DO LIVRO E DA AUTORA.

  • Em 2012, o fotografo Kyle Cassidy preparou um ensaio fotográfico livremente inspirado no livro. Você pode ver todas as fotos no álbum virtual do ensaio
  • Dessa sessão, saiu o book trailer do livro:

https://www.youtube.com/watch?v=pSLbcvc2xLs

  • Caitlín já escreveu uma spin-off de Sandman e ajudou no roteiro de Beowulf ao lado de Neil Gaiman e Roger Avary. The Dreaming
  • Ela já estudou geologia e paleontologia e trabalhou em alguns museus. Na sua casa é possível ver alguns fosseis e rochas pelos cômodos.
  • Ela não gosta de rótulos. E já disse em algumas entrevistas que não escreve horror. Apesar de seus trabalhos veredarem por esse caminho, ela “apenas escreve”. Por sinal, ela deixa claro isso nas páginas iniciais do livro, ao separar “o que o livro é e o que o leitor acha que ele deveria ser”.
  • Em meados dos anos 90, teve uma banda chamada Death Little Sister, claramente inspirada na irmã mais nova de Morpheus em Sandman, criação máxima de Neil Gaiman. Ela era a vocalista e letrista. Saiu em 1997, quando Silk, seu primeiro romance começou a ser vendido.
  • Existe uma edição especial de Silk, no qual vem com o EP da banda. A capa tem ilustração de Clive Barkersilkltd1
  • Kierman possui mais de 30 nomeações a prêmios literários. Venceu 12 destes.
  • Possui 11 livros publicados e 10 contos espalhados em diversas coletâneas e revistas especializadas.A Menina Submersa - Capas pelo mundo
  • Seus romances The Red Tree e A Menina Submersa irão se transformar em filmes. Sem grande alarde, Caitlin anunciou que estaria responsável inicialmente pelo roteiro de The Red Tree e o Josh Boone, dono da produtora americana Mid-World pelo roteiro d’A Menina Submersa.
  • Josh foi diretor da adaptação para os cinemas de A Culpa das Estrelas e atualmente está envolvido no reboot cinematográfico das Crônicas Vampirescas de Anne Rice e na adaptação do livro de Stephen King, A Dança da Morte.
  • Kierman mantém um blog sobre sua vida e seus trabalhos. Mora em Providence em Rhode Island, com Kathryn P. Pollnac, seu parceiro, que é fotografo e fabrica bonecas de forma artesanal.
Essas são só algumas das curiosidades e dos detalhes encontrados e referenciados em A Menina Submersa e bem como em todo universo que cerca o livro e a autora.
Ahh escrevi uma resenha ano passado, se quiser dar uma conferida, é só clicar aqui.

A Menina Submersa Limited Edition (2)

Caso eu tenha esquecido alguma coisa, deixa aqui nos comentários!

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos!

114
171 shares, 114 points
Leandro de Matos

Legend

Escolha um estilo de post
Post padrão
Postagem padrão, com formatação de textos e imagens
Lista
Listas clássicas da internet
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Embeds do Vine
Imagem
Fotos e imagens
Gif
GIFS
Quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Lista aberta
Envie seus próprios ítens e vote nos melhores envios
Listas por ranking
Clique acima ou abaixo para votar nas melhores listas
Meme
Faça upload de seus imagens e crie memes próprios