136
144 shares, 136 points
Hoje, mas precisamente às 16h29min do dia 21 de outubro de 2015, Marty McFly chegava ao futuro em De Volta para o Futuro.
No Brasil, o futuro chegou primeiro, pois pouco antes do BackToTheFutureDay, a editora DarkSide Books disponibilizou nas livrarias, De Volta para o Futuro – Os Bastidores da Trilogia. Título obrigatório para todo fã das idas e vindas dos passageiros do DeLorean DMC-12. O livro foi construído sob mais de quinhentas horas de entrevistas com todos aqueles que fizeram parte de alguma forma na construção de #BTTF. Do elenco ao diretor, o jornalista e historiador da cultura pop, Cassen Gaines escreveu o livro definitivo sobre o legado dos filmes e sua importância para o cinema e fãs pelo mundo todo.

de-volta-para-o-futuro-capa-darkside-books-bastidores-dissecando

Antes de ser tornar um ícone da cultura pop e se estabelecer como um dos filmes clássicos de ficção cientifica dos anos 80, De Volta para o Futuro carrega inúmeros fatos curiosos fora e dentro da sua linha tempo.
Conheça abaixo alguns acertos e erros, e claro, curiosidades que talvez nem o Doc. Brown sabia antes de traçar o primeiro itinerário para o dia de hoje:

CURIOSIDADES

  • Michael J. Fox quase não interpretava Marty McFly.
Essa já é bem conhecida de forma geral. Por conta da agenda cheia, Fox inicialmente recusou o papel que ainda iria ser disputado por Johhny Depp e John Cusack. No fim, seis meses de gravações foram feitas com Eric Stoltz como McFly. Até que Steven Spielberg, produtor executivo do filme afirmou que “não sentiu que a comédia estava funcionando”.
Com a substituição de Stoltz por Fox, o estúdio arcou alguns milhões com o retrabalho, mas pelo menos serviu para redefinir o tom do filme e do personagem, que no script inicial seria mais soturno e deprimido.

Eric-Stoltz-left-006

  • As viagens para o futuro seriam em uma máquina que lembraria uma geladeira
Nas primeiras versões e revisões do roteiro original, Bob Gale, roteirista que divide a co-criação da Trilogia com o diretor Robert Zemeckis, idealizou uma “câmara do tempo” feita até com base em uma geladeira. Discussões posteriores na pré-produção garantiram ao filme o charme de utilizar como máquina do tempo, um DeLorean, veiculo da época com visual futurista e no mínimo, incomum.
Delorean DMC-12A criação e a história do carro também trazem algumas particularidades interessantes. John DeLorean foi preso em 1982, acusado de tráfico de drogas.
Por conta do escândalo, a produção do modelo foi descontinuada no mesmo ano, totalizando apenas nove mil veículos fabricados de 1981 a 1982. Ele seria absolvido pouco tempo depois e com o sucesso do primeiro filme, as vendas do modelo foram maiores que a oferta e o empresário norte-americano ainda escrevera um
a carta endereçada aos idealizadores do filme por manterem seu sonho vivo.
Ele falecera em 2005, mas ainda é possível adquirir algum modelo pela internet. Ano passado mesmo, por exemplo, um vendedor anunciava no Mercado Livre, dois modelos custando R$150mil cada.

back-to-the-future-delorean

  • Há curiosidades também em torno do nome de Doc. Emmett Lathrop Brown. A sonoridade do nome Emmett, se invertido, é o mesmo da palavra time. Já Lathrop é um anagrama para a palavra portal.
  • Existe uma singela homenagem a Stanley Kubrick no primeiro filme. No momento em que McFly pluga a guitarra na caixa amplificadora, aparece no painel: CRM-114. CRM é um decodificador no filme Dr. Fantástico e 114, é o numero serial da exploração em Jupiter de 2001 – Uma Odisseia no Espaço.
  • Hoje poderíamos estar comemorando o Dia d’O Astronauta de Plutão.
Oi? Como? Pois é… esse seria o título do primeiro filme, segundo tivessem feito a vontade de Sid Sheinberg, um executivo da Universal Studios da época. Na cabeça dele, O Astronauta de Plutão, faria mais sentido (?)) por conta de algumas piadas ditas por McFly no filme. O trio, Spielberg, Zemeckis e Gale, obviamente não aceitaram a mudança. Mas… tiveram que acatar uma outra “sugestão”.
  • Einstein, o bicho de estimação de Doc. seria originalmente um chimpanzé. Após sua avaliação, ficou estabelecido que um símio não seria tão comercial, então se decidiu por um cachorro mesmo. Ahh… apenas nos momentos em que há closes do cachorro durante o filme, vemos um animal de verdade. As demais é um humano fantasiado. (!?)
  • O verdadeiro dia para a “volta do futuro”
Existem inúmeras imagens pela internet que confundem sobre o real dia da primeira ida ao futuro. Em De Volta para o Futuro Parte II, a verdadeira data agendada no futuro é 21 de Outubro de 2015, mais precisamente às 16:29, como se vê na imagem abaixo:
de-volta-para-o-futuro-darkside-books-bastidores-003

 OS ERROS E ACERTOS DE DE VOLTA PARA O FUTURO

Nem só de acertos se faz um filme de ficção cientifica, ainda mais aqueles que transitam pelo futurista, como é o caso também de De Volta para o Futuro. Entre erros e acertos, conheça algumas previsões que se concretizaram e outras, que passaram longe…
  • Estradas? Pra quê?
A icônica frase: “Para onde vamos não precisamos de estradas”. Acabou não se concretizando. Aliás, vários filmes que projetaram o futuro com esse tipo de mobilidade erraram. Seja o futuro em 2015, seja em 2019, como no caso de Blade Runner, os roteiristas e escritores dos anos 80, sempre foram bastante otimistas para como seriam essas próximas décadas.
  • No inicio desse ano a Nike confirmou o Air Mag, tênis que amarra e se ajusta sozinho em De Volta para o Futuro.

    Air Mag

  •  Já as placas de carro com códigos de barra ainda não foi o momento delas.
  • Outra marca que resolveu concretizar uma previsão do filme foi a Pepsi. A bebida do futuro foi anunciada e começa a ser comercializada hoje mesmo pela internet.
  •  E o skate voador?
Sou da tag #HoverboardEuAcredito e por incrível que pareça, essa invenção não estaria tão distante assim.
Meses atrás a Lexus apresentou um protótipo de um skate voador. O funcionamento seria através de trilhos de metal presos ao chão para passar a sensação de flutuar, tipo imãs que repulsam por conta das incompatibilidades dos pólos. O famoso skatista Tony Hawk já testou essa tecnologia.

Skate

  • “Here come the drones”
Drones! Nisso eles acertaram. No segundo filme da franquia, é possível ver uma equipe de reportagem usando esses robôs alados. O exército, civis e até mesmo a BBC, tal como alude o filme já estão controlando essas máquinas.
  •  O lado tech
A Trilogia apresentou diversas tecnologias que acertaram e/ou inspiraram suas respectivas e reais condições:
TVs
Televisões controladas por voz já é uma realidade do nosso “futuro”. A Samsung, Sony e até a Amazon já oferecem dispositivos ou aparelhos com essa funcionalidade.
TVs com painel flexível também estão em concretização pela LG.
Realidade aumentada.
No futuro projetado em De Volta para o Futuro Parte 2, era a JVC, em 2015, basta um nome: Google Glass. É bem verdade, que a Microsoft e o Facebook também já criaram seus óculos tecnológicos.
Touchscreen, Tablets,…
Curioso, mas nenhum dos três filmes mostrou algo parecido com um smartphone ou com a tecnologia touchscreen. Star Trek, 2001 e alguns outros já “adiantavam” essas invenções.
Durante o período de produção dos dois primeiros filmes ainda não havia a concepção da Internet. E o que havia de mais moderno em comunicação era o fax. Talvez por isso mesmo, esses aparelhos apareçam tanto nos filmes.
 de-volta-para-o-futuro-darkside-books-bastidores-001A intenção deste post não foi ficar apontando o que deveria ou não deveria ter acertado ou funcionado nos dias atuais. A intenção é apenas elencar o que há de mais curioso e interessante na saga de De Volta para o Futuro; que seja nos cinemas ou nas inúmeras reprises nas Sessões da Tarde da vida, foram e ainda são, um marco na vida de muita gente.
Nostálgicos, inocentes e divertidos, os filmes resgatam aquela sensação aventuresca, que por vez tanto falta nos filmes atuais.
Para uma “viagem completa ao futuro”, há somente duas sugestões. Programar uma maratona da Trilogia e logo em seguida, iniciar a leitura de De Volta para o Futuro – Os Bastidores da Trilogia. Só assim o loop estará completo.

de-volta-para-o-futuro-capa-darkside-books-bastidores-dissecando-03

Para mais informações sobre os filmes, elenco, bastidores e tantos outros aspectos relacionados à Trilogia, leia De Volta para o Futuro – Os Bastidores da Trilogia.

bttf-darkside-001

Fontes: BBC, Superinteressante, Exame.

 


Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos!

136
144 shares, 136 points
Leandro de Matos

Legend

Escolha um estilo de post
Post padrão
Postagem padrão, com formatação de textos e imagens
Lista
Listas clássicas da internet
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Embeds do Vine
Imagem
Fotos e imagens
Gif
GIFS
Quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Lista aberta
Envie seus próprios ítens e vote nos melhores envios
Listas por ranking
Clique acima ou abaixo para votar nas melhores listas
Meme
Faça upload de seus imagens e crie memes próprios