O último álbum da banda, intitulado Green Naugahyde, é o primeiro material inteiramente novo em 11 anos de carreira. Lançado em 2011, ele trouxe várias modificações no som, a habilidade incrível de Les Claypool ( baixo, vocal ) , Larry “Ler” laLonde( guitarra) e um novo baterista:  Jay já tinha tocado com o Primus, mas saiu antes  da banda lançar seu primeiro álbum em 1989, então esse álbum foi como uma reunião de velhos amigos que deu muito certo.

A turnê de 2011 e 2012 mostrou muito experimentalismo nos shows, novas músicas como “Jilly’s on Smack” e “”Hennipin Crawler” agradaram tanto os velhos fãns e os novos ouvintes.

A banda passou aqui em 2011 no SWU, não pude ir no show, infelizmente,  mas tem o show completo no youtube aqui.

Agora nesta nova turnê, cheia de  imensas ilusões digitais , iluminação bem trabalhada,  ocúlos 3D para a platéia e um melhorado sistema de som,  a banda estabelece um novo tipo de espetáculo, algo que beira o psicodélico , mas ainda possui aquela sujeira dos primeiros álbuns do que eu e muitos outros por aí adoramos.

A turnê começa mesmo em maio de 2013 e ainda não tem vídeos de boa qualidade na internet para comparar, no máximo alguns loucos que gravaram com câmeras portáteis, mas o som não ficou bom.

Eu sou um incrível fã de Primus e esta nova ideia de “shows 3d” realmente  me deixou curioso. Imagina se essa moda pega?

O plano da banda é continuar com a turnê 3D até o final julho de 2013, sem nenhuma parada no Brasil, por enquanto. 🙁

Fique ligado para datas de shows internacionais aqui no NerdPride.